fbpx

NEUROH22 – Neurofisiologia

Eletroneuromiografia (ENMG)

O que é:

A Eletroneuromiografia (ENMG) é um exame neurofisiológico que estuda a função dos nervos e músculos de todo o corpo.

Como é feito:

A ENMG tem duas etapas. A primeira, chamada de Neurografia ou Estudo de Condução Nervosa, consiste em breves estímulos elétricos (pequenos choques) sobre determinados nervos nos braços, pernas ou face com objetivo de fazê-lo funcionar e obter uma resposta captada num eletrodo de superfície (pequeno adesivo) posicionado sobre a pele ou próximo a um músculo.

A segunda etapa, chamada de Miografia ou Estudo de Captação por Agulhas, consiste na inserção de um eletrodo em forma de agulha, muito fino, em alguns músculos para avaliar a atividade elétrica em repouso ou mediante uma ligeira contração. Serão obtidos alguns gráficos que poderão identificar doenças que comprometam a inervação destes músculos ou patologias próprias dos músculos.

Ambas as etapas são bem toleradas, não sendo necessário qualquer tipo de anestesia ou sedação e podem ser feitas até mesmo em crianças ou bebês. O relaxamento e uma boa conversa com o médico aplicador do exame permitem um exame rápido e praticamente indolor. O exame dura de 15 a 40 minutos, dependendo do número de membros estudados e da complexidade da doença envolvida.

Obs.: no teste de ENMG basal já estão incluídos, quando necessário, o Teste de Estimulação Repetitiva (CBHPM: 40103714) para avaliar distúrbios da junção neuromuscular (Síndromes Miastênicas) e o Reflexo Cutâneo-Simpático (CBHPM: 40103684) para complementar o estudo nas suspeitas de Polineuropatias sensitivas, sobretudo com envolvimento de fibras nervosas finas.

Indicações:

É um exame indicado para doenças que acometem os nervos periféricos, o neurônio motor na medula, os músculos ou a transmissão entre nervos e músculos.

  • Neuropatias focais compressivas ou traumáticas: Síndrome do Túnel do Carpo, Lesão do nervo radial, Compressão do nervo fibular, Paralisia Facial, etc.;
  • Radiculopatias cervicais e lombares: compressões ou inflamações dos nervos ao passar pela coluna vertebral cervical, ou lombar;
  • Polineuropatias: acometimento difuso e simétrico dos nervos dos membros, predominando na maioria das vezes nas extremidades (mãos ou pés). Podem ser decorrentes de doenças do próprio nervo (Neuropatia Hereditária ou Síndrome de Guillain-Barré, por exemplo) ou mais frequentemente secundário a algumas doenças do organismo (Diabetes Mellitus, Deficiência de vitaminas, Alcoolismo, etc.);
  • Mononeuropatias múltiplas: são acometimentos dos nervos ocorridos de forma assimétrica em alguns membros, podendo ser decorrentes de Inflamações (Hanseníase, por exemplo), alterações vasculares (Vasculites, Insuficiência arterial, etc.) ou outras causas.

Obs.: Os principais sintomas das neuropatias periféricas são: dor em algum ponto localizado no membro ou irradiada da coluna, fraqueza do membro ou parte dele, dormência ou formigamento (parestesias) em pontos específicos no pé, perna, coxa, mão, antebraço, braço ou face.

  • ELA (Esclerose Lateral Amiotrófica);
  • Poliomielite;
  • Amiotrofia Monomélica;
  • Amiotrofias Espinhais
  • Miopatias congênitas (Duchenne, Distrofia de cinturas, Nemalínica, Steinert, etc.);
  • Miopatias Endócrinas/Metabólicas (Uso crônico de Corticoides, Doenças de Tireoide, POMPE, etc.);
  • Miopatias Tóxicas (Estatinas, Álcool, etc.);
  • Miosites (Dermatopolimiosites, Paraneoplasias, etc.).
  • Miastenia Gravis;
  • Miastenia Congênita;
  • Botulismo.

Obs.: o principal sintoma destes três últimos grupos é fraqueza, que pode ser difusa ou restrita a algum grupo de músculo. Não apresentam sintomas sensitivos, exceto por dor em alguns tipos de miosites (inflamação muscular). Como sinal, a maior parte destas doenças apresentam certo grau de atrofia muscular (perda de massa muscular).

Tipos de Eletroneuromiografia (ENMG)

  • Eletroneuromiografia de face ou Teste para Paralisia Facial (CBHPM: 40103307):
    • O que é: estudo convencional de ENMG feito na face e/ou língua para avaliar funções do nervo facial e eventualmente de outros nervos cranianos (como nervo hipoglosso e alguns ramos do nervo trigêmeo).
  • Eletroneuromiografia dos Membros Superiores – ENMG MMSS (CBHPM: 40103323):
    • O que é: estudo convencional de ENMG feito nos Membros Superiores (mão, antebraço, cotovelo, braço, ombro e escápula) e que avalia patologias neuromusculares dos MMSS e da região cervical.
  • Eletroneuromiografia dos Membros Inferiores – ENMG MMII (CBHPM: 40103315):
    • O que é: estudo convencional de ENMG feito nos Membros Superiores (mão, antebraço, cotovelo, braço, ombro e escápula) e que avalia patologias neuromusculares dos MMSS e da região cervical.
  • Eletroneuromiografia dos 4 Membros – ENMG 4 MM (CBHPM: 40103331):
    • O que é: estudo convencional de ENMG feito nos Membros Superiores (mão, antebraço, cotovelo, braço, ombro e escápula) e que avalia patologias neuromusculares dos MMSS e da região cervical.
  • Eletroneuromiografia dos 4 Membros Domiciliar ou Hospitalar:
    • O que é: estudo de ENMG feito na casa do paciente ou dentro de um ambiente hospitalar (enfermaria comum ou UTI).
    • Para que serve: quando paciente está acamado com muita dificuldade de transporte ou quando está internado dentro de um hospital com necessidade urgente de realizar este exame.
  • Eletroneuromiografia Justa-Neural (CBHPM: 40103340):
    • Também conhecido como: ENMG Near-Nerve, Avaliação de Neuroma de Morton ou de Neuropatias Interdigitais Plantares.
    • O que é: estudo de ENMG feito pela técnica Near-Nerve (Justa-Neural), onde o eletrodo é colocado próximo ao nervo através de agulhas bem finas de acupuntura.
    • Para que serve: nas suspeitas de comprometimento de pequenos nervos sensitivos dos pés (Neuroma de Morton ou Neuropatias Interdigitais Plantares) com sintomas de dormência, dor ou formigamento em alguns dos artelhos (dedos dos pés).
  • Eletroneuromiografia Com Registro de Movimentos Involuntários (CBHPM: 40103374):
    • Também conhecido como: Estudo do Tremor, Avaliação de Distonias e Espasticidade.
    • O que é: estudo de ENMG feito para avaliar distúrbios dos movimentos através de um registro contínuo da contração muscular, onde pode-se aferir o grau de contração em repouso do músculo ou o tipo de tremor existente.
    • Para que serve: auxílio na caracterização de tremores de diversos tipos; avaliação de contrações involuntárias intermitentes (espasmos) ou contínuas (espasticidade ou algumas formas de distonias).
  • Eletroneuromiografia de Fibra Única (CBHPM: 40103900):
    • Também conhecido como: Jitter, Avaliação do Jitter com Agulha Concêntrica
    • O que é: é uma avaliação complementar da ENMG basal para suspeitas de Síndromes Miastênicas, sobretudo a Miastenia Gravis, feita através de agulha concêntrica pequena com leves estímulos repetitivos.
    • Para que serve: para diagnosticar uma Síndrome Miastênica, onde a ENMG basal não evidenciou alterações.

Contraindicações:

  • Este exame não apresenta contraindicação absoluta;
  • Deve-se tomar alguns cuidados em pacientes usando medicação anticoagulante ou portadores de marcapasso cardíaco.
  • Feridas ou inchaços no local do exame, ou uso de curativos, talas ou gessos também podem limitar o estudo, às vezes, até inviabilizar o exame;
  • Platinas, placas metálicas, próteses dentárias não interferem no exame.

Preparo:

  • Tome um banho antes do exame, se possível;
  • Não utilize cremes, pomadas, loções ou óleos em qualquer parte do corpo no dia do exame;
  • Venha sempre com um calçado fechado para não sujar ou esfriar os pés;
  • Nos dias frios, venha muito bem agasalhado;
  • Não é necessária nenhuma roupa especial.

Tempo de espera

No mesmo dia, ou em até 1 dia útil.

Médicos Responsáveis:

Dr. Adilson Luciano Caleffi | CRM-SP: 110.228 | RQE: 211211

Dra. Melina Pazian Martins | CRM-SP: 150.299 | RQE: 899321

Dr. Fabrício Castro de Borba | CRM-SP: 174.992 | RQE: 867711

Dr. Adir Bruno Serraglio | CRM-SP: 193.650 | RQE: 918881

Dr. Guilherme Manzano da Silva Leite | CRM-SP: 133.329 | RQE: 400901